Saiba mais sobre alguns livros atemporais que são leitura obrigatória

Existem alguns livros que, segundo Frederico Gayer Machado de Araujo, são atemporais. Ou seja, nunca saem de moda e, mesmo depois de tantos anos desde seu lançamento, ainda surpreende – e muito – leitores de todo o mundo.

Pensando nisso, Frederico Gayer Machado de Araujo, amante da literatura, nos revelou hoje alguns desses clássicos que todos devem ler pelo menos uma vez na vida.

  1. O Pequeno Príncipe – Antoine de Saint-Exupéry

Trata-se de um livro para leitores de todas as idades. Na história, um piloto cai com seu avião no meio do deserto do Saara e, por lá, acaba se deparando com um pequeno príncipe.

Nessa jornada, o autor aborda diversas questões filosóficas sobre amor, amizade e afeto.

  1. Orgulho e Preconceito – Jane Austen

Trata-se de um romance de época, que, de acordo com Frederico Gayer Machado de Araujo, é apresentado na Inglaterra, no século XVIII, a Elizabeth Bennet, uma jovem espirituosa, entretanto sem dotes a oferecer.

Assim, acompanhamos sua história até que somos apresentados ao Mr. Darcy, um homem extremamente rico e um pouco antipático.

Frederico Gayer Machado de Araujo comenta que  Jane Austen faz diversas críticas à alta classe e à sociedade da época.

  1. A Hora da Estrela – Clarice Lispector

Frederico Gayer Machado de Araujo explica que a obra de Clarice é capaz de, através de sua linguagem, abordar o tema do desamparo, sentimento este o qual estamos todos supostos a experimentar na vida. Com muito desenvolvimento entre o que é real e o que é delírio, é impossível não se entregar de alma neste belo romance.

  1. O Ensaio sobre a Cegueira – José Saramago

Um livro, sem dúvidas polêmico. José Saramago, conta Frederico Gayer Machado de Araujo, mostra o comportamento da sociedade diante a uma pandemia de cegueira sem cura e inexplicável. É pesado, porém, necessário de inúmeras formas, trazendo perspectivas extremamente relevantes.