Como parar com a mania de procrastinar?

Sem dúvidas, procrastinar é algo péssimo e, segundo Marcio Alario Esteves, trata-se de uma inimiga da rotina, uma vez que você não consegue ser produtivo e otimizar seu tempo. No entanto, é possível superá-la, por isso, no presente artigo, Marcio Alario Esteves nos deu algumas dicas para parar definitivamente com a procrastinação, veja:

Muito além de tempo: emoção

Marcio Alario Esteves comenta que a principal armadilha da procrastinação é esperar estar com bom humor para realizar alguma tarefa, pois isso pode te levar a um ciclo vicioso.

Sendo assim, é recomendado reflexão, analisando qual a razão por essa falta de ânimo e pensar em como essa situação pode ser revertida.

Dê o primeiro passo

Determine objetivos e metas baixas, as quais você consiga, mesmo em seu pior momento, ser capaz de cumprir. Marcio Alario Esteves revela que assim, a realização proporcionada por esse sentimento servirá como combustível para continuar produzindo.

Pense no futuro

Marcio Alario Esteves explica que pensar no seu futuro pode fazer com que se sinta mais empolgado para realizar suas tarefas, isso porque, imaginar melhorias pode te dar aquele ‘empurrãozinho’ para parar de procrastinar

Pense: está mesmo procrastinando?

Atrasos são normais e podem ser facilmente confundidos com procrastinação, por isso, Marcio Alario Esteves recomenda rotular os tipos de imprevistos:

irracionais: procrastinação ocasionada pelo medo e ansiedade;
propositais: quando outras obrigações devem ser cumpridas antes de dar início a tarefa em questão;
hedonísticos: quando as obrigações são deixadas de lado para que tarefas mais prazerosas sejam cumpridas;
adrenalina:quando a tarefa está atrasada porque o indivíduo gosta de realizá-la depois, sobre pressão;
inevitáveis:ocorre por conta da sobrecarga ou crise que deixa a pessoa fora dos eixos em questão de produtividade;
problemas psicológicos: estados de humor ocasionados pelo luto ou demais sentimentos, deixando o emocional da pessoa debilitado para ser produtivo.

Marcio Alario Esteves informa que é essencial entender os motivos da sua procrastinação e buscar por formas de tratá-la devidamente.

Não se repreenda

A procrastinação é algo ao qual todos nós estamos supostos a vivenciar, por isso, Marcio Alario Esteves recomenda não se repreender por não estar sendo tão produtivo quanto gostaria.
Tenha compaixão consigo mesmo e não se coloque para baixo, tente dar pequenos passos e não deixe o desânimo te consumir.